| entries | profile | affiliates | site |
Cansaço, desânimo, sonhos.

terça-feira, 28 de setembro de 2010


Acho que chega um ponto da sua vida durante a sua adolescência (ou talvez durante sua vida toda isso se repita) que você simplesmente cansa. Cansa da vida, cansa das pessoas, cansa da rotina, cansa de tudo. Eu ando meio assim ultimamente, chega a ser chato e às vezes tenho raiva de mim mesma por isso. Sei lá sabe, eu ando de saco cheio da faculdade, de saco cheio de estudar, de saco cheio de ter 1872638 obrigações, de saco cheio de não ter de uma vez aquilo que eu mais quero na vida e sentir que o tempo tá se esgotando. Quer dizer, sempre soube que crescer era difícil e chato, mas não pensei que fosse assim sabe? Sei lá, não aguento mais nada, eu fico estressada muito fácil como eu nunca fiquei, vivo enjoada com dores de estômago de stress, fico triste à toa, sei lá, queria uma vida diferente. Queria coisas diferentes. Quer dizer, eu amo meu curso de farmácia, mas não quero viver disso, acho que todo mundo sabe. Meu curso é o máximo, mas estuda demais, é muit difícil, muita pressão, sei lá. Eu queria ao menos sentir que estou perto do meu sonho de verdade que é a música, pra pelo menos sei lá, ter uma motivação sabe? Nunca vou desistir, as pessoas dizem para que eu nunca desista dos meus sonhos, mas parece que quanto mais eu luto por eles, mais longe eles estão! E bom, isso é meio desgastante e acaba afetando no resto todo. Óbvio que eu não estou nesse estado apenas por isso, envolve um milhão de outras coisas que rondam minha vida diariamente, mas sei lá. Acho que esse é o principal fator. Meio que que eu já acordo com vontade de não sair mais da cama, mas não sei se é isso ou se é preguiça mesmo, acho que os dois. Mas ir pra faculdade é legal, ver meus amigos é legal, se fosse apenas um pouco mais fácil.. Não que eu tenha escolhido o curso errado, eu gosto dele, e sei que todos os cursos em qualquer faculdade são puxados, mas sei lá. Queria que a vida fosse mais simples, mais tranquila e menos puxada. Sei que os problemas que eu tenho agora, no futuro vão me parecer tão bobinhos e só de pensar assim, isso me dá mais medo ainda de crescer. Mas sei lá, eu não vejo a hora de enfim conseguir largar tudo isso e viver apenas da música, cantando pras pessoas, fazendo show.... Só de pensar nisso, eu já fico um pouco feliz. Mas daí penso que está tudo muito longe, e a deprê bate de novo. Sei lá, não aguento mais ficar nessa chatisse e mesmisse de sempre. Essa não sou eu. A Tabatha é uma pessoa alegre, engraçada, idiota e feliz, e não cansada da vida. Bom, já que por enquanto minha vida é farmacêutica, vou criar um remédio pra ver se apago os problemas da vida por menor que sejam e adianto o tempo. Será que consigo?


Taby, 17:12 | back to top

2 - nothing personal

----

Hello there,

Bem vindo! Meu nome é Tabatha, mas pode me chamar de Taby se preferir.

Clique em PROFILE ali em cima pra ler mais :)



"Oh me, what eyes hath love put in my head, which have no correspondence with true sight. Or if they have, where is my judgment fled that censures falsely what they see aright?"

- William Shakespeare



website hit counter
website hit counters


Memory Lane